sexta-feira, 30 de setembro de 2011

O ALTO alto falante


Creio que 95% das pessoas já passaram pela situação de ter que ouvir algo na qual não lhe agrada e tê-lo que engolir "guela" a baixo. Agora imagine essa mesma situação num ambiente público, e este algo que você não é simpatizante agora sendo embalado por um ritmo que você odeia ainda mais, através d'um ALTO alto falante. #ódio.

Sinceramente, não sei o que passa pela cabeça desses agentes pertubadores do sossego alheio! Creio que é uma felicidade tamanha que eles querem compartilhar tudo com a pessoa do lado e os demais que estão ao seu redor. Ninguém quer compartilhar dinheiro, mas músicas inadequadas é quase que um crime você não compartilhar e passar esse vírus adiante! O pior não é nada! Sempre (e quando aqui escrevo sempre, é SEMPRE mesmo!) as músicas escolhidas a serem compartilhadas são as piores possíveis - bregas, funks, arroxas, pagodes, músicas de torcidas organizadas! Nada contra esses ritmos em específico, desde que estes sejam tocados em seus respectivos nichos. Detalhe: se pedir para diminuir o volume e/ou desligar, você corre um risco de 100% de levar um fora e engolir isso também "guela" a baixo. 

Um projeto foi votado pela Câmara Municipal de São Paulo que multa em até R$1.000,00 pessoas que utilizam celulares em auto falantes com som acima de 45 decibéis (o equivalente ao barulho de um ar-condicionado ligado) em áreas residenciais. Essa lei deveria existir em todo o Brasil e não apenas uma campanha educativa, pois assim não está surtindo efeito nenhum.

Então, meu caro amigo agente pertubador do sossego alheio, não fique com vergonha de conter essa sua felicidade, pois é um DEVER seu contê-la, a "socando" num fone dentro do seu ouvido e ficar para você e somente você.

Contribua você também para uma sociedade, pelo menos, sonoramente mais limpa.

Abraços.
E aí?

4 comentários:

  1. Olá :)

    Nossa, mesmo irritante estar no ônibus e começar a tocar aquelas músicas que, quase ninguem gosta a não ser o dono do celular...

    Aqui em casa é um pouco pior, pois nosso ""querido"" vizinho da frente, tem o hábito de ouvir tecno tão alto que, nos dentro de casa com as janelas fechadas e com os fones nos ouvidos ainda escutamos o "puts-puts" #raiva

    Queria que essa lei o punisse também, mas o pior é que o dito cujo, as 22h em ponto desliga, hehehe

    Beijinhos

    ---
    www.jehjeh.com

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Leça pelo post!É absurdo o quanto esses pertubadores esquecem de tomar seu simancol diário antes de sair de casa, e o pior realmente é quando estamos compartilhando transporte publico, é terrivel.
    Abraços Leça!!

    ResponderExcluir
  3. Dalton, mas o pior de ter que engolir esses "ricos" ritmos musicais, é ver quem compartilha se empolgando e cantando junto!! É uma visão triste!!! kkkkkkk E eu já tive esse desprazer...
    Eu sou totalmente a favor que essa campanha fosse difundida no Brasil inteiro!! Ninguém merece ser forçado a ouvir o que não lhe agrada.. Além de ser irritante, é falta de respeito com o ouvido alheio!!

    ResponderExcluir
  4. kkkkkkkkkk...Realmente é uma visão triste de ser ter, Silmara. Parece que as pessoas gostam cada vez mais de disseminar o mal, a discórdia e as músicas chatas. rsrsrs =D

    ResponderExcluir

Escreva seu comentário AQUI !!